• Dicas e Curiosidades

    Como Escolher Mandioca

    Mandioca de mesa (macaxeira, aipim) é o tipo que mais encontramos disponível no mercado. Possui baixo índice cianídrico (<100ppm, que indica menor toxicidade), apresenta menor quantidade de fibras e sua polpa é mais farinácea, bastante indicada para uso culinário. Quando colhida, a mandioca deteriora rapidamente devido a grande quantidade de água presente que facilita o desenvolvimento de microrganismos. Para evitar a compra de uma mandioca dura, difícil de cozinhar, observe as seguintes características: 1. A casca é de cor marrom terrosa e fácil de ser removida, indicando que está bem hidratada. (Basta puxar um pedacinho, de destacar facilmente, estará no caminho certo!) 2. A entrecasca também é facilmente removida, de…

  • Dicas e Curiosidades

    5 dicas para não empelotar o amido

    1. Dissolva em líquido frio antes de levar o amido ao fogo. O amido é melhor dissolvido em líquidos mais frios. No calor, as moléculas de amido podem expandir e formar um gel à prova de água, não se separam e empelotam. Os meios líquidos mais utilizados são a água e o leite. Para molhos, como o molho branco (em receitas sem glúten), o amido de milho é dissolvido no leite, por exemplo. 2. Utilize a mesma quantidade de amido e líquido para dissolver. Com a mesma quantidade, a dissolução pode ser feita com maior rapidez e evita que o amido empelote. 3. Use um fouet (batedor de claras). Se…

  • Dicas e Curiosidades

    Conhecendo um pouco mais sobre o arroz

    Já devem ter reparado como o arroz japonês fica grudadinho, enquanto que o arroz agulhinha fica mais soltinho. Isto se deve à maior presença de uma das moléculas de amido, a amilose ou  a amilopectina. A amilose é uma molécula de cadeia linear longa, composta resíduos de glicose e não gelatiniza quando está sendo cozida. Isso quer dizer que os grãos de arroz que tenham mais amilose ficam mais soltinhos. Grãos longos de arroz, como o Agulhinha (arroz branco comum) e o Arroz Integral contém bastante amilose e ficam com aquele aspecto solto depois de cozidos que vemos no dia-a-dia. Quando esfria, o grão tende a ficar mais endurecido, grudado…

  • Dicas e Curiosidades

    Substitutos para o Leite

    Pensava que existiam apenas dois substitutos de leite no mercado: soja e côco. Porém descobri outras alternativas e a melhor parte é que podem ser feitas em casa. Basicamente, precisaremos de um liquidificador, água, semente/castanha, um filtro de café de pano limpo, uma peneira, um funil e uma garrafa de vidro com tampa. Algumas dicas e/ou receitas para substitutos do leite (não coloquei a parte de acrescentar mel ou xarope para poderem utilizar nas suas receitas de forma pura). LEITE DE LINHAÇA Apesar de pouco conhecido, possui fluidez e teor de gordura semelhante ao leite, sendo uma ótima alternativa para receitas doces ou salgadas. Ingredientes – 1/4 xícara (chá) de…

  • Dicas e Curiosidades

    O glúten moderno

    Para entendermos melhor sobre o glúten que ingerimos, vou dar uma breve introdução do que é, sua utilização, problemas relacionados a sua ingestão e em quais alimentos podemos encontrá-lo. O glúten é formado por uma mistura de centenas proteínas diferentes, como as gliadinas e as gluteninas do trigo, aveninas da aveia, secalina do centeio e hordeína da cevada. A presença das gliadinas, gluteninas e de outras proteínas do glúten confere a propriedade viscoelástica da massa de bolos e pães, influenciando na qualidade da confeitaria. Esta propriedade permite uma maior resistência da massa a manter o produto da fermentação e fazer o bolo “crescer”. Por isso, é importante colocar farinha de…

  • Dicas e Curiosidades

    O leite traz benefícios à saúde, ou não?

    Pensando do ponto biológico, o leite é secretado pela glândula mamária, nutrindo e fornecendo proteção imunológica a nós, mamíferos, enquanto pequenos. Provê a necessidade para o filhote/filho desenvolver e tornar-se saudável, quando adulto. Por isso, o leite é carregado de substâncias bastante nutritivas. A composição nutricional do leite varia de espécie para espécie e algumas moléculas podem ser específicas para o tipo de filhote a ser amamentado. E o leite de vaca? Vamos pensar no leite de vaca, que ingerimos no nosso dia-a-dia. É considerado como um alimento nutricional completo, principalmente por ser uma boa fonte de cálcio. Mas você sabia que ele contem mais de 100 componentes, dentre os…

  • Dicas e Curiosidades

    Por que usar Temperos Frescos ou Desidratados?

    Temperos frescos ou desidratados são importantes para a saúde. Os temperos frescos possuem uma boa quantidade de nutrientes e são mais saborosos e aromáticos, enquanto os temperos desidratados, apesar de conterem menos nutrientes (perdidos pelo processo de desidratação), também podem fazer parte dos seus pratos, mas podem apresentar um sabor mais intenso. Ambos estimulam bastante o paladar e dão um toque especial aos pratos!  Um exemplo de tempero desidratado seriam os liofilizados, transformados em pó. Sofrem um processo de desidratação por congelamento, retirando a água (congelada) por sublimação (o líquido congelado se torna um gás e evapora). Este método é capaz de preservar o extrato vegetal e aumentar a sua…

  • Dicas e Curiosidades

    Segredos na Escolha e Preparo de Bifes

    É errando que se aprende! Quando estava aprendendo a fazer bife, não sabia onde começar. Era só colocar sal, cebola e a carne? Descobri que era isso e um pouco mais… Aí vão algumas dicas sobre a escolha e preparo dos meus bifes que fui aprendendo com o tempo: 1. Ver o aspecto da carne. Olho a cor da carne, quanto mais avermelhada e fibras mais fortes, mais fresca e menos problema com intoxicação alimentar, depois (meu intestino é bem frágil). A carne não pode ter um verde brilhante (indica a presença de bactérias que fazem mal). 2. Amaciar a carne. Amacio carnes mais duras, como a alcatra. Uso um…

  • Dicas e Curiosidades

    Uso terapêutico e culinário: Cebolinha

    Nome científico: Allium fistulosum L. Parte que utilizamos na culinária: Folhas Consumo: Fresco ou desidratado Componentes nutricionais (em 100g, 1 maço fresco e cru) Composto Nutricional Quantidade  % VD* Recomendado Carboidratos 3,4g 2% Proteína 1,9g 4% Lipídeos 0,4g não determinado Fibra Alimentar 3,6g 12% Vitamina B1 (Tiamina) 0,03mg  2% Vitamina B2 (Riboflavina) 0,04mg  3% Vitamina B6 (Piridoxina) 0,08mg 5% Vitamina C 31,8mg  39% Potássio  206mg  4% Cálcio 80mg  7% Fósforo  27mg  3% Magnésio 25mg  7% Sódio  2mg  próximo de 0% Ferro  0,6mg  5% Zinco 0,3mg  2% Manganês 0,13mg  6% Cobre 0,04mg  próximo de 0% *VD = Valores Diários aproximados. Quantidade que o indivíduo precisa consumir para atingir uma dieta nutricional…

  • Dicas e Curiosidades

    Uso terapêutico e culinário: Limão

    Limão Tahiti (mais comum) Nome científico: Citrus aurantifolia Parte que utilizamos: Fruto Consumo: Fresco   Uso culinário: Oferece um aroma cítrico e refrescante. Seu sumo (suco) tempera aves, carne de porco, saladas e doces (melhor utilizá-lo ao final do preparo ou em marinadas curtas). Emulsifica (“encapsula”, envolve) gorduras, melhorando a absorção delas (muitas vezes é adicionado a pratos que contenham frituras ou óleo). A casca contém grande quantidade de óleos essenciais que fornecem aroma ao preparo dos alimentos (e propriedades terapêuticas). Evita que a couve-flor escureça durante a cocção (colocar 1 colher de chá do sumo, antes de levar ao fogo). Mantém a cor da guacamole (espremer uma boa quantidade…

  • Dicas e Curiosidades

    Uso terapêutico e culinário: Carambola

    Nome científico: Averrhoa carambola Parte que usamos na culinária: Fruto Consumo: Fresco Componentes nutricionais (em 100g do fruto): ↑Teor de Fibras Alimentares; Ácidos Graxos (Ômega-3, Ômega-6); Vitamina A; Vitamina C; Vitaminas do Complexo B (Folato, Colina, Niacina e Ácido Pantotênico); Minerais (Potássio, Fósforo, Magnésio, Cálcio, Selênio, ZInco, Cobre, Ferro), Taninos, Ácido Oxálico, Água. Composto Nutricional Quantidade  % VD* Recomendado Carboidratos 11,5g  8% Proteína 0,9g  1% Lipídeos 0,2g  não determinado Fibra Alimentar 2,0g  7% Vitamina B1 (Tiamina) 0,12mg  10% Vitamina C 60,9mg  74% Potássio 133mg  2% Cálcio 5mg  próximo de 0% Fósforo 11mg  1% Magnésio 7mg  2% Sódio 4mg próximo de 0% Ferro 0,2mg  2% Zinco 0,2mg  1% Manganês 0,13mg  6% Cobre…

  • Dicas e Curiosidades,  Uncategorized

    Uso terapêutico e culinário: Alecrim

    Nome científico: Rosmarinus officinalis Parte que usamos na culinária: Folhas ou Ramo (no Bouquet-garni) Consumo: Fresco ou Desidratado Uso culinário: Oferece sabor pungente e levemente amargo. Tempera Carnes brancas (frango, peixe) e vermelhas (suínas, bovinas, caprinas e ovinas). Aromatiza azeites. Combina com molhos que contém tomate e alho e pratos com leguminosas, ovos e vegetais. Os ramos podem ser colocados sobre assados (e removidos na hora de servir). As folhas podem ser picadas e colocadas em massas de pães caseiros. É bastante utilizado na culinária mediterrânea. Faz parte da composição do Sal-de-Ervas e do Azeite Aromático. Componentes nutricionais (em 2g de alecrim fresco, 2 colheres de sopa): Composto Nutricional Quantidade…